Primeira-Ministra da Finlândia Sob instigação por pagar mata-bicho com dinheiro do Estado

0
1180
Sanna Marin

A polícia da Finlândia anunciou na sexta-feira, 28 de Maio, que abriu uma investigação para apurar os gastos de 300 euros/mês que a primeira-ministra, Sanna Marin, faz para tomar o mata-bicho com a sua família.

A primeira-ministra não tem o direito de desfrutar de café da manhã gratuito às custas do dinheiro dos impostos dos contribuintes”, afirmou o jornal finlandês Iltalehti, ao revelar o caso. “Tal benefício não está previsto pela lei que regulamenta os direitos de um primeiro-ministro”, acrescentou a publicação.

Após tomar conhecimento do inquérito, Sanna Marin defendeu que os seus antecessores receberam o mesmo “subsídio” e usou as redes sociais para sair em sua defesa, garantindo não ter culpa nenhuma pelo valor que recebe sendo Primeira-ministra.

Momentos depois, o Gabinete da Primeira-ministra explicou que também abriu uma investigação e que se forem encontrados mal-entendidos serão esclarecidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here